Ensinar uma segunda língua às crianças – Qual a melhor idade para começar?

Por que ensinar uma segunda língua às crianças,

Juntos com os desafios que a maternidade traz, logo as palavras educação e aprendizado tomam conta de nossas vidas e além da metodologia educacional que devemos escolher pensamos sobre quando é o melhor momento para o aprendizado de um segundo idioma.

Inglês para criançasPara esclarecer essas questões conversamos com a equipe pedagógica do Colégio Photon aqui de Campinas que trabalha com ambiente bilíngue.

E com o mundo todo conectado, se facilita uma comunicação intercultural e observa-se uma crescente procura pelo ensino de uma segunda língua.  Aparentemente, os pais perceberam que suas crianças serão beneficiadas por ter conhecimento de, pelo menos mais de uma língua.

A exposição de uma criança a outro idioma, a ajudará a conhecer outras culturas e a se relacionar melhor no mundo.

Pesquisas mostram que crianças bilíngues tendem a ser pensantes mais criativos que aqueles monolíngues, e um estudo sugere ainda que suas funções cerebrais podem ficar mais aguçadas conforme crescem.

Nesse sentido, a psicóloga Elizabete Flory, doutora em bilinguismo pelo Instituto de Psicologia da USP, fez um levantamento de pesquisas no mundo todo sobre educação bilíngue e constatou que esses alunos apresentam vantagens cognitivas. “A primeira é uma certa antecipação da consciência metalinguística – eles se dão conta de que o objeto tem palavras diferentes para representá-lo e diferenciam com qual língua falar com cada pessoa”, explica.

Outro benefício é uma possível antecipação de pensamento cognitivo em cálculos. “Isso está ligado ao desenvolvimento da lógica, pois as crianças bilíngues aceleram essa forma de pensar”, afirma. Elizabete aponta, no entanto, que não é sempre que o bilinguismo é acompanhado de vantagens cognitivas. “Não dá para falar que ele aumenta a inteligência. Mas crescer falando duas línguas pode ter influências positivas em alguns aspectos da inteligência”, frisa. (Fonte: Revista Educação 10/09/2011)
english

Não há uma idade certa para se aprender a segunda língua, porém, quanto mais cedo for introduzida, mais fácil será para uma criança aprender sons distintos e únicos, pertencentes a mesma.  A habilidade de ouvir sons e pronúncias foneticamente diferentes são mais aguçadas antes dos três anos de idade. Crianças de dois ou três anos não somente aumentam seu repertório com a vivência mas, ainda, começam a reconhecer padrões de discurso devido a tudo que ouviu desde o seu nascimento.

De acordo com Francois Thibaut, diretor de linguagem para crianças na cidade de Nova Iorque, as crianças perdem essa capacidade de audição e de pronunciar sons distintos quando não são expostas a eles bem cedo em sua vida.

“O bom ensino de língua estrangeira para crianças deve seguir uma estratégia didática apoiada em atividades que exploram a oralidade e a familiarização com o idioma. Logo, a maneira correta de ensinar uma segunda língua deve ser de forma: NATURAL e DIVERTIDA.” (Susi Mari Pratts – Universidade do Sul de Santa Catarina –UNISUL)

O ambiente familiar poderá contribuir para a exposição da criança à segunda língua. Assistindo a um programa de televisão, escutando músicas, ou, ainda, aprendendo algumas palavras. Isso permitirá que a criança tenha ferramentas especiais para a apreciação da língua quando mais nova e para seu aprendizado de conversação para o futuro.

A professora Desirée Vacchiano Motta Plaza, do Colégio Photon, cita a experiência que teve com suas duas filhas, as quais foram expostas ao inglês desde o dia do nascimento e ambas têm uma facilidade muito grande para falar a Língua Inglesa, escutar músicas, assistir a filmes sem legenda, ter uma pronúncia muito boa, mesmo nunca tendo morado em solo americano e sendo filhas de pais brasileiros.

“Elas também foram expostas ao espanhol, pois moramos no Chile por 3 ½ anos e ainda fizeram, nesse tempo, curso de alemão, pois o colégio era alemão e as aulas eram diárias.  Nunca apresentaram dificuldades para aprender nenhuma das línguas”, comenta a professora Desirée.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s