Mamães – Manual para prevenção de acidentes no esporte com crianças

Verão – Férias e Volta as aulas  são sinônimo de mais agitos e novidades na rotinas dos pequenos.
Pensando em como prevenir os riscos de acidentes durante as práticas esportivas a Ong Criança Segura  que sempre tem muitas dicas, lançou um manual com informações importantes para a prevenção de acidentes.

A publicação aborda as principais lesões que podem acontecer durante a prática esportiva e apresenta dicas para evitá-las. Vale a pena conferir e compartilhar!

A prática de esportes na infância e adolescência traz diversos benefícios sociais, emocionais e físicos para crianças e adolescentes. Entretanto, pais, responsáveis, professores e treinadores precisam ficar atentos para evitar a ocorrência de lesões durante essas atividades. Com o objetivo de informar esse público e colaborar com a prevenção de acidentes, a Criança Segura lança o manual “Prevenção de lesões no esporte”. Para ler o material na íntegra, clique aqui.

A publicação é parte de um projeto chamado “Criança Segura nos Esportes”, idealizado pela organização com apoio do Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente da cidade de São Paulo e patrocínio das empresas BB Mapfre e Johnson&Johnson.

O material é dividido em cinco partes. Nas quatro primeiras, são abordadas as principais lesões que podem acontecer com as crianças durante a prática esportiva: desidratação, lesão por esforço repetitivo, trauma na cabeça (concussão) e afogamento. Para cada um desses temas, o manual traz informações sobre o que é importante saber sobre o assunto, como a lesão pode acontecer, como preveni-la e o que fazer caso ocorra. A quinta e última parte da publicação é um checklist para pais, responsáveis e professores de Educação Física com dicas seguras para prática de esportes pelas crianças.

Dados

No Brasil, não há dados exatos sobre o número de acidentes que acontecem durante a prática esportiva. Entretanto, segundo o Ministério da Saúde, no ano de 2013, 52.659 crianças foram hospitalizadas devido a quedas. Essa é a maior causa de internações por acidentes na faixa etária de zero a 14 anos no país e, muitos desses casos, podem ter ocorrido durante a realização de uma atividade física.

Além disso, sabe-se que a região corpórea mais atingida em crianças durante as práticas esportivas é a cabeça, pelo fato delas ainda não serem capazes de proteger a região cefálica em caso de quedas e impactos. Por sua vez, os traumas nos braços e pernas estão no segundo lugar de ocorrência de lesões em menores de dez anos, cuja fase que se encontram é marcada pelo predomínio de atividades como passeio com bicicleta, uso de patins, jogos de bola, entre outros, que expõe mais os membros a lesões.

Dicas para prevenir acidentes nos esportes

Desidratação: Incentive a ingestão de água e realize pequenas pausas durante os treinos e jogos. Não espere a criança dizer que está com sede.

Lesões por esforço repetitivo: Realize aquecimento antes da prática esportiva. Isso aumenta a circulação do sangue nos músculos, tornando-os mais flexíveis e menos propensos a entorses.

Trauma na cabeça (concussão): Sempre utilize os equipamentos de proteção individual adequados para a atividade realizada (como capacetes, joelheiras e tornozeleiras).

Afogamento: Ensine flutuação para as crianças a partir dos dois anos e a nadar a partir dos quatro anos, com instrutores qualificados ou em escolas de natação especializadas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s